Como saber quem me protestou?

Seu nome está negativado e quer saber quem te protestou? Saiba mais sobre o protesto de títulos no post a seguir.

mulher em dúvida de como saber quem me protestou?

Quando se trata de finanças, poucas coisas podem ser tão angustiantes quanto descobrir que você foi protestado. O protesto de um título pode lançar sombras de incerteza sobre seu histórico de crédito, criar obstáculos para futuros empréstimos e prejudicar sua reputação financeira. Portanto, saber quem te protestou é o primeiro passo para lidar com essa situação delicada.

Neste artigo, vamos explicar de maneira clara como o  protesto de títulos funciona, como você pode ser protestado, e como descobrir se você se encontra nessa situação. Leia mais a seguir.

Quando ocorre o protesto?

Um protesto ocorre quando uma empresa ou pessoa física aciona o cartório de protesto para buscar o recebimento de uma dívida lastreada em um título ou documento de dívida. Neste caso, o cartório atuará como uma empresa de cobrança, notificando o devedor ao pagamento da dívida em um prazo determinado. Caso a dívida não seja paga, o devedor será protestado, e seu nome negativado. 

Quem pode te protestar?

Qualquer pessoa física ou jurídica com a qual você assumiu algum compromisso de pagamento, porém não conseguiu quitar a dívida na data estabelecida. Pode ser um cheque, um contrato de aluguel, uma nota promissória, o boleto de uma compra de mercadoria, e até mesmo a conta de luz ou água de sua residência. O protesto é um serviço prestado pelos cartórios de protesto de títulos, que é uma entidade pública, de caráter privado, gerida por um tabelião concursado que possui a concessão do estado para exercer a atividade cartorária. 

Como saber quem protestou você?

Agora que entendemos o que é um protesto e quem pode protestar, a próxima pergunta é: como você pode saber se foi protestado? Aqui estão alguns passos que você pode seguir:

  1. Consulte os cartórios de protesto: A maneira mais certeira de descobrir se você foi protestado é obter uma certidão negativa de protesto junto aos cartórios de protesto da cidade onde você reside.
  2. Verifique seu relatório de crédito: As informações dos protestos realizados pelos cartórios geralmente são compartilhadas com os órgãos de proteção ao crédito, como Serasa Experian e Boa Vista. Uma busca pelo seu CPF ou CNPJ junto a essas instituições pode confirmar se houve um protesto em seu nome. 
  3. Uma outra forma para verificar a existência de um protesto em seu nome é consultar gratuitamente no site da CENPROT. A CENPROT agrega os dados de todos os cartórios do Brasil e fornece uma consulta bastante confiável. 
  4. Contate os credores: Se você suspeita que pode estar em processo de protesto, entre em contato com os credores ou empresas de cobrança de dívidas com as quais você tem pendências. Pergunte diretamente a eles se há algum plano de protesto em andamento e como você pode resolver a situação.

Você também pode se interessar por: Protesto em cartório: Caduca ou não?

O que fazer após ser protestado?

Se descobrir que foi protestado, é importante agir prontamente para resolver a situação. Confira a seguir algumas etapas que você pode seguir para te auxiliar:

  1. Entre em contato com a parte credora: Quite a dívida diretamente com a parte que te protestou. Um acordo amigável pode ser alcançado para cancelar o protesto.
  2. Obtenha a documentação para cancelar o protesto: Após quitar ou negociar o pagamento da dívida, obtenha do credor os documentos exigidos pelo cartório  para realizar o cancelamento do protesto. Geralmente, o título original, o instrumento de protesto emitido pelo cartório e/ou a carta de anuência são os documentos que o cartório exigirá para saber que a dívida foi quitada com o credor e o cancelamento do protesto pode ser realizado. 
  3. Cancele o protesto no cartório: Não basta quitar a dívida com o credor, você precisa cancelar o protesto no cartório. Em posse da documentação obtida com o credor, compareça ao cartório, pague as custas cartorárias e solicite o cancelamento do protesto. 

Esperamos que este guia tenha esclarecido suas dúvidas sobre como descobrir se foi protestado e como agir nessa situação. Lembre-se sempre de buscar orientação profissional quando necessário e de gerenciar suas finanças de forma responsável.

Quer saber mais informações sobre protesto e o mundo dos cartórios? Acesse o nosso blog!

Gostou? Comente e compartilhe!

Ícone Facebook Ícone Twitter Ícone LinkedIn Ícone WhatsApp
Escrito por

Especialista em marketing, redatora de conteúdos financeiros, fã de Taylor Swift e apaixonada por boas histórias.

4 comentários
  1. Edileusa Bruno jatobá
    Edileusa Bruno jatobá
    23 de março de 2024 às 15:28

    eu não fiz nem uma compra mais meu nome esta sujo o que devo fazer?

    Responder
    • Protesto24h
      Protesto24h
      26 de março de 2024 às 14:55

      Olá Edileusa!
      Caso o protesto seja indevido, você deve procurar um Juizado Especial ou um advogado para requerer ao juiz a sustação do protesto, que deverá ser apresentada ao cartório em 03 (três) dias úteis, contados do recebimento da intimação.

      Responder
  2. Edileusa Bruno jatobá
    Edileusa Bruno jatobá
    23 de março de 2024 às 15:29

    como saber quem protestou ?especificada e sujou o meu nome.,

    Responder
    • Protesto24h
      Protesto24h
      26 de março de 2024 às 14:53

      Olá Ediseusa! Tudo bem?
      A maneira mais certeira de descobrir se você foi protestado é obter uma certidão negativa de protesto junto aos cartórios de protesto da cidade onde você reside. As informações dos protestos realizados pelos cartórios geralmente são compartilhadas com os órgãos de proteção ao crédito, como Serasa Experian e Boa Vista. Uma busca pelo seu CPF ou CNPJ junto a essas instituições pode confirmar se houve um protesto em seu nome. 
      Uma outra forma para verificar a existência de um protesto em seu nome é consultar gratuitamente no site da CENPROT. A CENPROT agrega os dados de todos os cartórios do Brasil e fornece uma consulta bastante confiável. 🙂

      Responder
Deixe seu comentário

Talvez você goste também

como pagar protesto online?
Ícone Relógio 3 min de leitura

Como pagar um protesto online?

Ler Mais
Transformação digital
Ícone Relógio 4 min de leitura

A transformação digital nos meios de cobrança

Ler Mais
o que é inadimplência
Ícone Relógio 4 min de leitura

O que é Inadimplência?

Ler Mais
↑